sábado, 14 de julho de 2012

Caminhando de madrugada

01h da madrugada. Silêncio total lá fora. Ainda não consegui dormir.
Resolvo levantar, ligo a tv, zapeio.
Meia hora depois, resolvo caminhar.
Ninguém na rua, totalmente deserto.
Nem cães, vejo.
Olho pra trás, deserto total.
Encaro a rua assim mesmo.

Após meia-hora, vejo três pessoas encostadas num canto.
Quando passo perto, entendo o que acontece.
Dois caras armados, assaltam um rapaz.
Passo quieto, bem na minha, bem longe deles.

Uns 15 minutos depois, dois caras vem em direção contrária a minha.
Quando estão mais perto, simulo com as mãos na cintura, que estou armado.
Passam bem devagar, me olhando, me encarando.
Sinto meu coração acelerar.
Felizmente passam.

Preciso de ir embora.
A rua tá perigosa.
Pra quê fui inventar moda de caminhar de madrugada.
Maluquice.
Felizmente passa um táxi.

6 comentários:

Magui disse...

Não vivo em metrópole mas fingir que não vê é a melhor solução?

! Marcelo Cândido ! disse...

E se eu for fazer isso por aqui vai ser a mesma coisa...

Pedrita disse...

eu já acordei muito cedo. beijos, pedrita

FABIOTV disse...

Olá, tudo bem? Há algusn dias, presenciei um assalto na rua perto de casa. Estavam depenando o cara.. Até tiraram a jaqueta do rapaz.. Passei de fininho.... E moro em um bairro da região central de SP hein.. Abraços, Fabio www.fabiotv.zip.net

claudete disse...

Você realmente teve coragem!!! E a bem da verdade moro em área rural e não há segurança , tanto faz ...parece que a violência globalizou-se . Não faz mais isto , ok?

Nanda disse...

Pelo horário, não ia sair de casa nem me pagando! Infelizmente, ficamos presos, mas é a realizade. Beijos e Feliz Dia do Amigo!!!