sábado, 23 de julho de 2011

Pra lembrar - repetir

Pra lembrar - repetir
Coisa boa quando se é jovem. Numa única leitura de um determinado livro já guardou tudo. Estando mais velho, torna-se necessário ler mais devagar, e repetindo umas duas, três vezes. Só assim consegue fixar o que leu.

O simples ato de anotar algo já ajuda a memorizar. Hoje anoto em papel, caderno, computador e celular. Cada um atende de acordo com a situação apresentada.

Até para pensar, terei de repetir o pensamento por uma, duas, três vezes. Um pensamento surge, penso em aproveitá-lo no blog. Mas se nesse meio caminho, faço outra coisa, já era, a idéia se foi, e nunca mais volta.

O jeito de guardar as idéias é também repeti-las em pensamento. Repetir uma, duas, três vezes.

*_*..........*_*
O Google chrome é bom pra trabalhar em casa. No trabalho, já acho meio complicado, já que uma das grandes vantagens dele é o de salvar numa espécie de área de trabalho dele os últimos sites visitados. E o histórico é bem mais fácil de navegar. Mas isso dificulta manter a privacidade.

Mas  tem uma vantagem, há como salvar, baseado na sua escolha, as páginas que usamos frequentemente. Assim, o navegador sempre abre nos sites escolhidos. No local de trabalho, podemos usar esse browser apenas para os sites em que consideramos de uso público.

Na verdade, uso três navegadores: o firefox, o safari, e o Google Chrome.  Costumo usar os três abertos ao mesmo tempo. No Chrome, acesso minha conta de e-mail do Gmail. No firefox, abro minha conta deste blog, que é uma conta diferente do e-mail aberto no gmail. No safari, abro o orkut, que é uma outra conta diferente. 

O Safari é bom para exportar favoritos em html, ele os salva de maneira bem organizada.

Algumas vezes, uso o Ópera, que já foi o meu preferido. Mas de uns tempos pra andou meio caído. A última versão, parece que melhorou um pouco.

O travento (trava toda hora) Internet Explorer uso apenas naqueles sites que funcionam apenas nele, como o caso dos bancos. 

3 comentários:

katy disse...

nossa!!!! envelheci!!!

Donaella disse...

Muita identificação: tenho 30 anos e não consigo executar nada que não seja lembrando pelo despertador do celular. também anoto muito e a mesa de onde trabalho é um carnaval de post it! kkkk
Grande abraço

claudete disse...

Rsssssssssssssss me identiquei de "cabo a rabo" com diria minha vó, com tudo que você escreveu, acredita que só em sair de um andar para outro da casa esqueço o que fui apanhar? Hoje sou dependente do celular para agendar meus compromissos só não esqueço de mantê-los carregados, rs,rs,rs.Boa semana.